O seu guia essencial de Paris

Katie Gatens

Por Katie Gatens

Escritora e redatora digital que vive entre Londres e Paris, Katie já teve textos publicados na British Airways High Life, Grazia e Huffington Post, entre outros.

Encontre o seu lugar

Existem poucos endereços no mundo tão exclusivos como o 1.º arrondissement de Paris, local em que se encontra o Mandarin Oriental, Paris, no centro da cidade. Os gramados perfeitamente aparados do Jardim das Tulherias estão na rua ao lado, e a pirâmide de vidro do Louvre brilha nos arredores.

Alimente sua imaginação

Se não tiver muito tempo, conheça um pouco da cidade visitando as duas pequenas galerias próximas, no Jardim das Tulherias. O impressionista Musée de l’Orangerie exibe painéis dos Lírios D’água de Monet, enquanto o museu de fotografia contemporânea Jeu de Paume conta com exibições de obras de artistas franceses e internacionais. Nas proximidades, no distrito Le Marais, o Centre Pompidou com design de Richard Rogers e Renzo Piano é uma das galerias mais exclusivas do mundo. Igualmente recomendados são o templo de arte do Palais de Tokyo e a arte étnica do Musée du quai Branly, ambos próximos à Torre Eiffel, enquanto a Fondation Louis Vuitton, com design de Frank Gehry, fica no Bois de Boulogne.

Interior do Musée de l’Orangerie

Musée de l’Orangerie

Mergulhe no mundo do Impressionismo francês no Musée de l’Orangerie. Fotografia de Getty Images.

Exterior da galeria Jeu de Paume

Jeu de Paume

Explore formas de arte moderna na icônica galeria Jeu de Paume. Fotografia de Adrien Chevrot.

Exterior do Palais de Tokyo

Palais de Tokyo

Descubra exibições inovadoras no Palais de Tokyo.

quai Branly

quai Branly

Especializado em arte étnica, o quai Brandy é um museu único nos arredores da Torre Eiffel. Fotografia de Getty Images.

Faça compras como os locais

Paris não é conhecida como a capital mundial da moda por acaso, e no que diz respeito a boutiques ou marcas, os hóspedes do Mandarin Oriental não poderiam estar melhor localizados para comprar algo elegante. As casas de moda Alexander McQueen e Balmain localizam-se em frente ao hotel, na Rue Saint-Honoré. A loja conceito da Chanel, com sua escadaria sinuosa incrível, está perto na Rue Cambon e, um pouco mais adiante, no Boulevard Haussmann, ficam as amadas lojas de departamento Galeries Lafayette e Printemps.

Somente em Paris...

“Construído por Charles Garnier e concluído em 1875, o Palais Garnier é uma das maiores obras arquitetônicas da cidade. Originalmente projetado para a Ópera de Paris, hoje os visitantes ainda podem entrar no belíssimo edifício para ver apresentações de ópera, balé e música, tudo organizado pelo concierge, visto que são tours particulares nos bastidores. Com antecedência suficiente, o guia pode até mesmo levar os visitantes à lagoa subterrânea que existe sob o monumento.”

Victor Rego, concierge-chefe, Mandarin Oriental, Paris

Aprecie a vista

O espetacular prédio de belas-artes do Palais Garnier, onde fica a Ópera de Paris, está a apenas uma curta caminhada do Mandarin Oriental, Paris. Portanto, caso fique na cidade por alguns dias, confira a programação intensa de balé e música clássica. Enquanto isso, o movimentado distrito medieval de Le Marais, com suas ruas com calçamento de pedra, repletas de creperias e cafés na calçada, esbanja charme boêmio. Tire um tempo para visitar a praça mais antiga de Paris, a Place des Vosges. (Victor Hugo escreveu Les Misérables no número seis). Se tiver tempo de ir mais adiante, a área emergente ao redor do pitoresco Canal Saint-Martin é pontilhada de boutiques. Para parques, passeie no majestoso Jardin du Luxembourg, com alamedas arborizadas, gramados ondulantes e estátuas clássicas.

Brinde à sua chegada

Saboreie um coquetel entre a folhagem exuberante do terraço do Bar 8 do Mandarin Oriental, Paris. O drink Once Upon a Time…Paris é uma combinação de champanhe Roederer, Chambord, conhaque Martell VSOP e Tobacco Liquor.

Tenha tempo para relaxar

Piscina no Mandarin Oriental, Paris

Tenha tempo para relaxar

Spa e bem-estar

Presenteie-se com um dia no The Spa at Mandarin Oriental, no qual o menu inclui o exclusivo Viagem com desintoxicação digital, um tratamento restaurador que se concentra na cabeça, olhos, pescoço, ombros, mãos e pés para aliviar o estresse e as tensões resultantes do uso frequente de dispositivos digitais. Nas proximidades, uma caminhada relaxante ao longo do Sena ajuda a descansar as mentes cansadas e combater o jet lag, além de admirar o centro iluminado de Paris à noite.

Refeições com estilo

O restaurante com duas estrelas Michelin Sur Mesure par Thierry Marx atrai hóspedes e locais para fazer suas refeições no hotel. O restaurante é uma tela branca para Marx exibir com arte sua alta gastronomia. Genuinamente francês, o Mandarin Oriental, Paris também conta com sua própria confeitaria que serve deliciosas novidades frescas diariamente. E onde poderia ser mais apropriado provar um choux bun do que na Rue Saint-Honoré, o santo padroeiro dos padeiros e confeiteiros?

Seleção de pratos

Sur Mesure par Thierry Marx

Para opulência máxima, experimente um dos cardápios fixos no Sur Mesure par Thierry Marx.

Mesas no Sur Mesure

Sur Mesure par Thierry Marx

Sur Mesure par Thierry Marx é o restaurante exclusivo luxuoso do Mandarin Oriental, Paris.

Réplica da Estátua da Liberdade, Paris

Viagem no tempo

Em 1889, a comunidade americana em Paris presenteou a cidade com uma réplica da Estátua da Liberdade (a original foi presente dos franceses para Nova York). A réplica da estátua fica na ilha no meio do Sena, de frente para o Atlântico, como símbolo da amizade entre os dois países.

Logotipo MO Magazine

E, finalmente

Reserve um tempo para explorar a Petite Ceinture, uma linha ferroviária abandonada que circunda Paris. Algumas partes estão encobertas por uma flora e fauna colorida, que parece particularmente atraente em contraste com os graffitis e arte urbana.

Os museus mais espetaculares de Paris

Centro Pompidou

Centro Pompidou

O Centro Pompidou é obra dos arquitetos Richard Rogers e Renzo Piano, que trabalham juntos deste 1977. Foto: David Clapp, Getty Images

Domo do Grand Palais

Grand Palais

O Grand Palais foi construído antes da Exposição Universal de 1900. Foto: Getty Images

Fondation Louis Vuitton vista de cima

Fondation Louis Vuitton

Centro de arte e cultura projetado por Frank Gehry, inaugurado em 2014. Foto: Getty Images

a pirâmide do Louvre

Louvre

Talvez o mais conhecido e amado de todos os museus de Paris: o Louvre. Foto: Gallery Stock

Vista através do mostrador do relógio do Musée d’Orsay

Musée d’Orsay

Vista através do mostrador do relógio do famoso Musée d’Orsay. Foto: Arthur Meyerson, Getty Images