Seu guia essencial de Nova York

$module/image

Por Carrie Buckle

Originalmente do Reino Unido, a escritora Carrie mora em Nova York e escreve sobre viagem, luxo e celebridades para publicações como Harper's Bazaar, Vogue, Elle, Cosmopolitan e Tatler.

Encontre o seu lugar

Ao chegar pela primeira vez ao Mandarin Oriental, New York, familiarize-se com os arredores fazendo uma caminhada pelo Central Park, em frente ao hotel. Em qualquer estação, há algo mágico sobre esse parque público famoso mundialmente: de observar as pessoas na Bethesda Fountain a patinar no gelo no Wollman Rink, no inverno. Como alternativa, passeie pelas ruas laterais arborizadas do Upper West Side e admire as fileiras de pedras históricas, várias datadas dos anos 1880. 

Alimente sua imaginação

A cidade de Nova York tem um panorama cultural de nível internacional, e o Lincoln Center está em primeiro plano. Fica a cinco minutos a pé do hotel. Todos os dias, você pode assistir a óperas, apresentações de balé e musicais inspiradores. A Metropolitan Opera, com seus tapetes vermelhos e lustres reluzentes, é uma experiência inesquecível, assim como uma ida ao New York City Ballet ou à New York Philharmonic. À noite, aproveite para apreciar o chafariz iluminado. Entre na era dos dinossauros no Museu Americano de História Natural, um marco do Upper West Side fundado em 1869. Durante o inverno e a primavera, há um viveiro com mais de 500 borboletas em temperaturas tropicais. Para os apreciadores da arte, o Museum of Modern Art (MoMA) também é perto do hotel. Reserve um tempo para relaxar no jardim de esculturas. Um pouco mais além, siga até o Upper East Side para o Metropolitan Museum of Art (um destaque é o templo egípcio de Dendur) e o Guggenheim de Frank Lloyd Wright. A galeria mais nova da cidade é a Whitney Museum of American Art, no Meatpacking District. Combine a visita com uma caminhada pelo High Line.

O Guggenheim

Ícone da arquitetura de Manhattan, com design de Frank Lloyd Wright, o Guggenheim tem exibições imperdíveis que recebem mais de um milhão de visitantes por ano. A maioria das exibições é melho apreciada na descida das rampas levemente inclinadas do átrio de cima para baixo.

Whitney Museum of Modern Art

Quer saber o verdadeiro segredo dos conhecedores do Whitney? Qualquer pessoa pode solicitar filiação vitalícia. Basta ser artista integrante da coleção permanente do museu!

MOMA

Papel de parede de Andy Warhol na escada do segundo andar.

Museu Americano de História Natural

Exterior do Museu Americano de História Natural.

Faça compras como os locais

Como hóspede do Mandarin Oriental, New York, você tem alguns dos melhores locais de compras da cidade bem ao lado, incluindo Stuart Weitzman, Links of London e Diptyque, no Time Warner Center. A gama de ofertas luxuosas da Quinta Avenida, de Bergdorf Goodman a Cartier, está a uma curta caminhada de distância. Para fazer compras como os locais, passeie no Upper West Side e descubra boutiques como a Jonathan Adler para artigos de decoração elegantes, que o designer descreve como resultado da inspiração do "glamour moderno americano". Os amantes de design devem conhecer a Howard Street, no SoHo, onde você encontra a nova loja do designer britânico Tom Dixon, além de showrooms de Michele Varian e das luminárias da Roll & Hill. Enquanto estiver na região, entre na boutique Kirma Zabête na Broome Street, para uma série de marcas de designers de moda descolados.

Aprecie a vista

Você poderia passar o tempo todo na cidade de Nova York simplesmente olhando para o deslumbrante horizonte. Os marcos arquitetônicos icônicos, incluindo o Empire State Building, o Chrysler Building e o World Trade Center. Também há vistas menos comuns, como o cativante Flatiron Building e o High Line, um parque público elevado construído em trilhos de trem abandonados, que é lindo ao pôr do sol.

https://photos.mandarinoriental.com/is/image/MandarinOriental/NEW-YORK-Kenneth-Abisror-BW?wid=375&hei=470&fmt=jpeg&crop=102,54,2350,2945&anchor=1277,1526

Somente em Nova York...

Utilizados nos anos 1930 e 1940 pelo Presidente Roosevelt como meio para chegar despercebido à cidade de Nova York, os trilhos de trem subterrâneos secretos do Grand Central Terminal ocultam muita história e intrigas. Tours privativos estão disponíveis.

Kenneth Abisror, concierge-chefe do Mandarin Oriental, New York

Brinde à sua chegada

Depois de dar uma olhada nas vistas impressionantes sobre o Central Park do lobby no 35° andar do Mandarin Oriental, New York, entre no The Office NYC, do chef Grant Achatz e Nick Kokonas. Esse lounge do tipo “speakeasy” da época da Lei Seca oferece coquetéis clássicos, destilados envelhecidos e muito mais. Ou então conheça o The Aviary NYC, também comandado por Achatz e Kokonas, e a primeira filial fora de Chicago desse restaurante estupendo. O Ascent Lounge, no Time Warner Center também é perto do hotel. Lounge sofisticado para coquetéis, oferece petiscos leves e vistas maravilhosas do parque. Os fãs de música ao vivo podem conferir o Jazz at Lincoln Center, que apresenta vários nomes de prestígio.

Tenha tempo para relaxar

Tenha tempo para relaxar

Spa e bem-estar

A energia vibrante da cidade de Nova York é inebriante, mas é importante se recarregar. O Mandarin Oriental, New York oferece um spa inspirado no Oriente com seis salas de tratamento, além de experiências com calor que incluem a sauna a vapor com cristais de ametista. Ao ar livre, para um pequeno oásis de paz, há o Shakespeare’s Garden, escondido no Central Park. Você encontra rosas perfumadas, além de outras lindas flores da estação mencionadas nos trabalhos do dramaturgo.

Refeições com estilo

Para uma refeição americana extraordinária e moderna com influência asiática, não deixe de ir ao restaurante Daniel no Upper East Side: o melhor do melhor. A culinária francesa é divina, e o lugar, perfeito para marcar uma ocasião especial. 

O que esperar no Asiate

A culinária moderna americana do Asiate é servida com vistas panorâmicas de Manhattan que aproveitam espetacularmente a posição estratégica do restaurante no 35° andar. Um lustre no formato de galhos de árvores é uma alusão à localização do hotel no Central Park.

O que esperar no Asiate

Se não conseguir encontrar uma garrafa tentadora no Asiate, você não deve gostar de vinho: a seleção minuciosa inclui mais de 1.300 garrafas de alta qualidade do mundo todo. A “parede de vinho” exclusiva, que exibe todos eles, é famosa entre os restaurantes de Nova York e atrai visitantes por si só.

O que esperar no Asiate

Além de se especializar no melhor na nova culinária americana, o Asiate também oferece uma variedade de pratos internacionais clássicos, incluindo a versão de foie gras da casa, servida com acompanhamentos que incluem morangos.

O que esperar no Asiate

Prato com coelho do Asiate. O chef executivo do restaurante é o francês Cyril Renaud, que antes era proprietário e operava o restaurante Fleur de Sel, premiado pelo Michelin, também em Nova York.

Viagem no tempo

Apesar de Sheep Meadow ser um espaço verde famoso no oeste do Central Park, o que é menos conhecido é que o nome uma vez teve significado literal: havia ovelhas pastando ali até 1934.

https://mandarinoriental.com/templates/main/img/MO_Magazine_Logo_BLK.svg

E, finalmente

Delicie-se com um cookie quente com pedaços de chocolate que derretem na boca da Levain Bakery no Upper West Side. Há bons motivos para eles terem uma legião de fãs.

Melhores padarias de Nova York

Magnolia Bakery

Imortalizada em Sex and the City, a primeira localização original na Bleecker Street é o local ideal para comer um doce de banana irresistível.

Bouchon Bakery

Gosta de macarons bonitos em cores delicadas? A Bouchon Bakery no Rockefeller Center é aonde você precisa ir para conhecer o toque exclusivo do chef Thomas Keller nos doces tradicionais franceses.

Levain Bakery

Apesar de a padaria ter aberto inicialmente para servir uma variedade de pães artesanais frescos, desde então, tornou-se famosa por seus cookies de 170 gramas de nozes com pedaços de chocolates.