Escolha do chef: cinco dos melhores restaurantes de Nova York

Grant Achatz, o aclamado chef que comanda o novo agito culinário, The Aviary NYC, escolhe os melhores entre os outros restaurantes da cidade de Nova York


POR JOHANNA DERRY
Johanna Derry é uma jornalista gastronômica de publicações que incluem The Times, The Guardian e The Telegraph 

 

Uma das inaugurações mais comentadas de Nova York em 2017, The Aviary NYC, dentro do Mandarin Oriental, New York, é comandado pela equipe por trás do aclamado The Aviary, badalado destino para coquetéis em Chicago. "O programa de refeições e bebidas que fazemos aqui é igual ao de Chicago – ou seja, sabores interessantes, gelo criativo, tudo aquilo pelo que somos famosos. –Estamos apenas fazendo mais de tudo isso", diz o chef Grant Achatz.

Ainda que Chicago seja sempre seu lar, Achatz mergulhou no mundo dos restaurantes de Nova York se preparando para estrear na cidade, e é um grande entusiasta quando se trata de Nova York e da sua cena gastronômica. "É difícil ganhar de Nova York: a energia, a oportunidade e todos os restaurantes e bares de coquetéis espetaculares. Esse é o nosso primeiro empreendimento fora de Chicago, e Nova York é um grande palco, mas pretendemos fazer um ótimo trabalho. Quem consegue ter sucesso aqui, terá sucesso em qualquer lugar, já dizia a música." A seguir, a lista que ele elaborou de restaurantes imperdíveis em sua nova cidade.

OLMSTED BROOKLYN

O chef Greg Baxtrum deu uma nova dimensão à ideia das refeições do campo à mesa quando fez parceria com o fazendeiro Ian Rothman para o Olmsted, no Brooklyn. Além de cultivarem verduras na horta para suprir a minúscula cozinha de dois homens nos fundos da cozinha do restaurante, eles também mantêm as aves e o lagostim que aparecem no menu. Baxtrum é ex-aluno do restaurante Alinea, de Achatz, em Chicago, e Achatz diz: "Eu sou um pouco suspeito para opinar porque ele trabalhou conosco, mas a comida é realmente fantástica. Greg tem muita energia e trouxe algo incrível para essa região do Brooklyn."

DOVETAIL

Presença fiel há uma década no Upper West Side, Dovetail é o exemplo principal da abordagem vegetariana do chef John Fraser na culinária. Fraser foi um dos pioneiros da tendência de colocar os vegetais em primeiro lugar, e toda noite o restaurante oferece menus vegetarianos e veganos, o que torna o seu restaurante premiado com estrela Michelin um grande favorito dos herbívoros, mas também dos carnívoros. "A cidade de Nova York nos parece tão familiar agora e estamos sempre aqui [no Dovetail]," diz Achatz, referindo-se a ele e a Nick Kokonas, cofundador do The Aviary NYC. "Parece uma boa combinação de estar em casa e estar passando férias," ele acrescenta.

EMPELLÓN

Há três locais – East Village, West Village e Midtown – do restaurante mexicano do chef Alex Stupak, Empellón. O primeiro Empellón abriu cinco anos atrás, e o mais recente foi inaugurado este ano, na Rua 53, entre a Madison e a Quinta Avenida, e "a uma curta distância a pé do Mandarin Oriental, New York" explica Achatz. "Ele é outro chef jovem, que serve comida mexicana altamente criativa." Pratos como pargo com chilaquiles verdes, por exemplo, combinam diversas influências culturais para criar algo totalmente novo. Cada um dos restaurantes no império de Stupak tem uma inconfundível assinatura Empellón, mas com sua própria interpretação exclusiva, descrita por Stupak como a "cor" do restaurante.

ELEVEN MADISON PARK

No Flatiron District, Daniel Humm supervisiona o Eleven Madison Park, premiado com três estrelas Michelin, que serve culinária americana contemporânea sofisticada. Este ano, o restaurante aumentou a sua lista de prêmios, com o primeiro lugar na lista anual World's 50 Best Restaurants, os 50 melhores restaurantes do mundo, um título previamente concedido a restaurantes como elBulli e Noma. "Há tantos restaurantes espetaculares aqui, a lista poderia ser interminável," diz Achatz. "Tudo em Nova York é maior e mais exagerado – no bom sentido." Ele reabre no terceiro trimestre de 2017, depois de uma reforma, sendo que, nesse meio tempo, funcionou temporariamente em East Hampton. 

PASQUALE JONES

No NoLIta (Norte de Little Italy), o chef Ryan Hardy, ao lado dos sommeliers Robert Bohr e Grant Reynolds, comanda um pequeno restaurante italiano 'que aceita clientes sem reserva', com fogão a lenha, – Pasquale Jones. "Venho à cidade frequentemente para trabalhar, e é sempre bom quando tenho tempo de visitar restaurantes e bares como esse," diz Achatz. Sim, eles servem pizza e massas, como seria de se esperar, mas também pequenos pratos como hamachi crudo (sushi estilo italiano) e molusco grelhado na brasa, além de pernil para dois, o prato principal imperdível do restaurante, direto do forno a lenha.

Fique à vontade...

Experimente você mesmo o dinâmico mundo dos restaurantes de Nova York com um dos nossos programas sob medida.

Fazer uma reserva